tdah logo

cleide heloisa partel

critérios de avaliação preliminar de tdah (dda) crianças/adolescentes


O diagnóstico de TDAH (DDA) é estritamente clínico. O questionário abaixo baseia-se em critérios internacionalmente reconhecidos do DSM-IV e DSM 5. Eles podem servir apenas de guia ou levantar suspeitas do diagnóstico que será definido pelo exame clínico.

Tipo Desatento SIM
1. Presta pouca atenção a detalhes ou comete erros por falta de atenção ou descuido em atividades escolares ou de casa.
2. Dificuldade de manter atenção em tarefas ou atividades lúdicas.
3. Com freqüência parece não escutar quando lhe dirigem a palavra.
4. Freqüentemente não segue instruções nem termina seus deveres escolares ou tarefas domésticas (isso não se deve a comportamento de oposição, nem de incapacidade de compreender as instruções).
5. Dificuldade em se organizar para fazer algo ou planejar com antecedência tarefas, atividades, etc.
6. Evita, antipatiza-se, reluta em fazer deveres de casa ou em iniciar tarefas que exijam esforço mental constante e por muito tempo.
7. Com freqüência perde coisas necessárias para tarefas escolares ou atividades lúdicas (brinquedos, lápis, livros, óculos, celulares ou outros materiais).
8. Distrai-se com muita facilidade com coisas à sua volta ou mesmo com seus próprios pensamentos, alheios à sua tarefa. É comum que pais e professores se queixem de que estas crianças parecem sempre “sonhar acordadas”.
9. Esquece coisas no dia-a-dia, compromissos, datas, etc.
É necessário que a criança/adolescente tenha 6 ou mais sintomas acima, para haver possibilidade de diagnóstico de TDAH (DDA) Tipo Desatento Total:
Tipo Hiperativo/Impulsivo - Verifique em quais itens a criança/adolescente se encaixa:
SIM
1. Move de modo incessante pés e mãos e/ou se remexe na cadeira.
2. Freqüentemente abandona sua cadeira em sala de aula ou em outras situações nas quais se espera que permaneça sentado.
3. Com freqüência corre ou escala móveis em demasia, em situações nas quais isto é inapropriado (em adolescentes isso pode se restringir a uma sensação inquietação, de energia nervosa).
4. Tem dificuldade de brincar ou se envolver silenciosamente em atividades de lazer, como jogos, por exemplo.
5. Parece ser movido por um motor elétrico, sempre “a todo vapor, a mil por hora”.
6. Freqüentemente fala em demasia.
7. Responde precipitadamente, antes das perguntas serem concluídas. É comum responder a uma questão de uma prova sem ler a questão até o final.
8. Tem dificuldade em aguardar a sua vez (nos jogos, na sala de aula, em filas, etc.).
9. Interrompe freqüentemente os outros em suas atividades, brincadeiras ou conversas.
É necessário que a criança/adolescente tenha 6 ou mais sintomas acima, para haver possibilidade de diagnóstico de
TDAH (DDA) Tipo Hiperativo/Impulsivo.
Total:

Tipo Combinado
É necessário que a Criança/Adolescente tenha 5 ou mais sintomas de cada um dos 2 grupos acima para haver possibilidade de diagnóstico de TDAH (DDA) Tipo Combinado

Importante: Não se pode fazer o diagnóstico de TDAH apenas com os sintomas descritos na tabela. Veja os demais critérios:
Critério A: Sintomas (vistos acima).
Critério B: Alguns desses sintomas devem estar presentes antes dos 12 anos de idade...
Critério C: Existem problemas causados pelos sintomas acima em pelo menos 2 contextos diferentes (por ex., na escola, no trabalho, na vida social e em casa).
Critério D: Há problemas evidentes na vida escolar, social ou familiar por conta dos sintomas.
Critério E: Se existe um outro problema (tal como depressão, deficiência mental, psicose, etc.), os sintomas não podem ser atribuídos exclusivamente a ele.